Porto de Suape terá serviço de cabotagem expresso

 

O tempo de trânsito até Santos deve ser reduzido a três dias. Hoje, é preciso oito dias para subir do litoral paulista até Pernambuco e quatro para descer

O Porto de Suape, em Pernambuco, receberá o primeiro serviço expresso de cabotagem de contêineres no Brasil, a partir do início da operação de uma nova rota direta para o Porto de Santos (SP), no mês que vem. O Suape Express (Supex) terá frequência semanal, diminuindo o tempo de trânsito para três dias e sem parar em outro porto, informa comunicado da assessoria do porto.

Nas rotas atuais, o tempo de conexão entre os dois portos chega a oito dias na subida e quatro dias na descida, dependendo da linha de navegação e da companhia. O novo serviço de cabotagem será realizado pela Mercosul Line, empresa subsidiária do Grupo CMA CGM, o quarto maior armador de contêineres do mundo e que já opera outras duas rotas de cabotagem em Suape.

O navio da nova rota tem capacidade de transportar até 1.300 TEUs (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés).

A rota Supex deve contribuir para um tráfego rodoviário mais seguro. “Supex trará forte eficiência para um ambiente sustentável, sabendo que o modal marítimo emite cinco vezes menos dióxido de carbono/tonelada/quilômetro transportado em comparação com o modal rodoviário. Nossa previsão é que cerca de 2 mil caminhões por semana e 280 milhões de quilômetros por ano de tráfego rodoviário sejam de fato retirados dos principais corredores logísticos no Brasil”, informa o vice-Presidente de Trade e Sales da Mercosul Line, Peter Verheijen.

O serviço terá escalas semanais nos dois sentidos (Suape-Santos-Suape), ou seja, o navio vai e volta carregado. No porto pernambucano, a embarcação atracará no Tecon Suape.

No Brasil, além de Santos e Suape, a Mercosul Line também opera nos portos de Rio Grande (RS), Paranaguá (PR), Itajaí (SC), Itaguaí (RJ), Salvador (BA), Pecém (CE) e Manaus (AM).

FONTE: UOL